Alone… maybe…

1 04 2008

“Such a lonely day

And it’s mine

The most lonely day of my live” – Lonely Day – System of a Down

Parece que as vezes o Universo conspira contra nós…

Parece que às vezes quando alguém está triste, todos estão triste…

Parece que quando alguma coisa não vai bem, tudo dá errado…

Às vezes ficamos esperando aquela pessoa cruzar o nosso caminho, aquela plaquinha subir no msn ou aquele alguém te procurar para saber se está tudo bem. Mas bem no dia em que esperamos alguma dessas coisas, aquela pessoa cruza teu caminho e nem diz “oi”, ou até mesmo não cruza, aquela plaquinha não sobe, ou se sobe fica só nisso e ficamos  esperando que um “=]” suba também, mas isso não acontece.

Ao que parece depender das pessoas é um tanto quanto escorregadio.

Não sei se todos já sentiram o que eu descrevi, mas é realmente desgastante esperar algo assim.

Mas como diz uma música:

“I feel so hollow

Time to do what’s best for me I believe I can change” – Hollow – Godsmack

 Talvez seja hora de tentar mudar algo… de para de me preocupar com as pessoas, de parar de esperar que alguém estenda a mão, mesmo que seja só por um dia.

Esse post pode parecer um tanto quanto melancólico, mas na verdade é uma tentativa de dizer que talvez se tudo está correndo pra que as pessoas se afastem todas ao mesmo tempo, mesmo que só por um dia, é melhor aprender a não se sentir solitário, mesmo estando sozinho…

Este talvez seja um dos maiores desafios da vida, mas o que me impede de tentar?

É… talvez seja algo que possa ser mudado… veremos se as pessoas continuam alheias ao desinteresse ou se algumas coisas devem ser mudadas…


Ações

Information

2 responses

4 04 2008
Gaby

É fiote… Eu já me senti assim, e de fato é horrível… Parece que quando a gente mais precisa não tem ngm pra oferecer um ombro amigo ou algo assim… Pode ser tbm que nós estejamos errados… Pq a gente não costuma pedir ajuda quando a gente precisa… A gente pensa que as pessoas talvez tenham q perceber que estamos precisando, que é o que nós fazemos quando oferecemos ajuda a alguém…
Enfim, talvez coisas devam ser mudadas… Ou a gente aprende a conviver com nós mesmos, ou então sermos menos “orgulhosos” e pedir um SOCORRO quando precisamos… Ou talvez as duas coisas… Mas não dá nada não… Viemos ao mundo pra aprender, e vamos aprender um dia!
Beijo!

5 04 2008
carol

The lights go out and I can’t be saved
Tides that I tried to swim against
Brought me down upon my knees
Oh I beg, I beg and plead – Singing
come out of the things unsaid
Shoot an apple off my head – And a
trouble that can’t be named
A tiger’s waiting to be tamed – Singing

You are
You are

Confusion that never stops
The closing walls and ticking clocks – Gonna
come back and take you home
I could not stop that you now know – Singing
come out upon my seas
Cursed missed opportunities – Am I
a part of the cure
Or am I part of the disease – Singing

You are
You are
You are
You are

And nothing else compares
Oh no nothing else compares
And nothing else compares

Home, home, where I wanted to go (4x)

Clocks – Coldplay

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: